Jaburu, jabucréia, jaburanga.

As grandes animações do mundo são, normalmente, feitas em estúdios americanos. Logo, suas versões originais são dubladas por atores e ou dubladores que falam inglês. Porém, quando chegam aos cinemas brasileiros, estes filmes ganham uma versão dublada em português. Sempre há uma diferença entre ver um filme em sua versão original ou dublada, às vezes fica meio estranho, às vezes as vozes não combinam muito… Mas, às vezes os brasileiros conseguem superar os dubladores da versão original.

Pensando nisso, o AdoroCinema juntou uma lista com quatro animações em que a versão brasileira é incontestávelmente melhor do que a norte-americana. – confira!

A NOVA ONDA DO IMPERADOR

Uma das mais divertidas animações da Disney, A Nova Onda do Imperador já é ótima na sua versão original, mas a versão brasileira consegue superar. Quem não lembra logo na primeira cena da icônica “Odiei seu cabelo, chupou limão, jaburu, jabucréia, jaburanga e…já sei. Você tem grande personalidade!”, falada com todo o charme de Selton Mello. O filme incorpora expressões brasileiras em seu diálogo, ao invés de tentar fazer uma tradução mais literal do texto original, o que fica bem claro quando eles vão comer na birosca e cantam a sensacional canção de aniversário para Yzma: “Feliz aniversário, de todos nós pra tu, tu é muito gente fina, bacana pra chuchu”. Um filme com zero defeitos no original, e 100% perfeito na versão brasileira.

LILO E STITCH

Esse tem um lugarzinho especial no meu coração: Lilo & Stitch. Um dos poucos filmes da Disney que retratam as pessoas como elas realmente são, Lilo era uma menina deprimida que criava confusão na aula de dança e com sua irmã Nani. Poucas coisas são mais relacionáveis do que a menina deitada no chão da sala falando “Me deixe sozinha para morrer”, ou a briga entre as duas irmãs sobre comprar um coelho para trocar pela criança que acaba como todas as discussões entre guardiões e suas crianças: “Vai para o seu quarto”, seguido de “eu já estou no meu quarto!” Porém a cereja do bolo, uma única cena que demonstra de forma incontestável que a versão brasileira é melhor do que original é Lilo explicando para seu professor o por que de seu atraso: “É PEIXE! Se eu desse peixe pro fofuxo eu nunca ia me perdoar. Tô atrasada porque eu tive que ir até a vendinha comprar pasta de amendoim. Porque a gente só tinha aquele atum sem vergonha!” Porque posso falar com toda convicção que a versão original não tem metade da emoção que Lilo demonstra em português.

OS INCRÍVEIS

Ok, a versão original é muito boa, mas a versão brasileira de Os Incríveis já ganha muitos pontos somente pela tradução dos nomes dos personagens. O fato do nome do Sr. Incrível ser Beto Pêra é só o começo, já que todos os personagens ganham nomes brasileiros, ou pelo menos abrasileirados: Flecha, Helena, Violeta, Zezé, e não podemos esquecer de Toninho Rodrigues. Esta é uma das poucas animações em que os nomes dos personagens mudam, quando são somente nomes próprios comuns. Porém, o real ponto alto da versão brasileira, que faz com que Os Incríveis realmente seja muito melhor em português do que inglês é o professor de Flecha, que aqui no Brasil é dublado por um português, deixando seu curta, porém essencial, participação no filme infinitamente mais divertida.

SHREK

Como de costume, os dubladores da versão original de Shrek são grandes atores de Hollywood, como Eddie Murphy e Mike Myers. Porém, isto não quer dizer que os brasileiros não consigam superar. A versão americana é ótima, mas a entonação de Bussunda gritando “Cebolas têm camadas! Ogros têm camadas!” é inigualável. E o Burro não fica para trás. A cena em que ele descobre que não tem dedos é uma das melhores partes do filme, e todo o crédito vai para Mário Jorge de Andrade. A cereja no bolo realmente fica com a música de introdução quando chegam em Duloc, cantada por aqueles bonequinhos que até hoje quase enganam no “passe bem o shampoo, lave bem o seu… pé!”. Shrek é uma joia no original, mas um diamante em português.

MENÇÃO ESPECIAL: BOB ESPONJA

Um dos mais populares desenhos da televisão, Bob Esponja tem uma dublagem perfeita. Aquela voz irritante da esponja, a monótona voz do Lula Molusco e a entonação do Patrick… Realmente sensacional.

FONTE: ADOROCINEMA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.