Mas a Fox quis seguir outro caminho.

Chris Jackson

Matthew Vaughn decepcionou muitos fãs quando deixou o comando de X-Men: Dias de um Futuro Esquecido. Apesar de ter escrito parte do roteiro da sequência de X-Men: Primeira Classe, o cineasta acabou saindo do projeto por discordar do planejamento da Fox para o filme. E durante a turnê de entrevistas de Kingsman: O Círculo Dourado, primeira continuação que Vaughn dirigiu, o realizador apresentou mais detalhes sobre sua visão não concretizada para o Universo X-Men:

A razão por não ter dirigido sequências no passado é que elas simplesmente não eram interessantes para mim. No caso de Dias de um Futuro Esquecido, mesmo tendo coescrito o roteiro, deixei o projeto por dois motivos: primeiro porque respeito muito o trabalho de Bryan Singer e o mundo de X-Men é dele. Ele me deixou brincar no playground dele e eu gostei, mas não era o meu playground. Queria ter o meu próprio. E em segundo lugar porque não queria fazer Dias de um Futuro Esquecido como a continuação de Primeira Classe. Sinto que Dias de um Futuro Esquecido deveria ser o final da trilogia que começou com Primeira Classe. Eu teria feito um filme entre os dois onde conheceríamos um jovem Wolverine e um novo personagem, e em Dias de um Futuro Esquecido, o jovem Wolverine e o velho Wolverine iam se encontrar“, declarou Vaughn em entrevista ao site Uproxx.

Portanto, eis mais uma produção que entra para lista dos filmes que nunca sairão do papel: o prelúdio da história de Logan narrado por Matthew Vaughn. Levando em consideração o estilo ágil e bem-humorado do cineasta, o projeto poderia ter sido, de fato, um longa memorável. Mesmo que fosse distante da estética do sombrio e bem-sucedido Logan — último longa de Hugh Jackman como Wolverine, considerado por muitos como o filme essencial do personagem —, a visão de Vaughn para uma versão mais jovem do mutante poderia se encaixar muito bem na tonalidade da trilogia inciada por ele em Primeira Classe.

Por outro lado, talvez ainda seja possível ver a história de Logan antes de virar cobaia do projeto Arma X — onde teve o metal adamantium inserido no corpo — nas telonas. Como Jackman aposentou as garras e o papel está vago no momento, não dá para descartar a possibilidade de que a Fox volte atrás e tente produzir um reboot da saga de Logan. Afinal de contas, o Wolverine é um dos personagens mais icônicos da cultura pop e, certamente, também é um dos mais estratégicos para o futuro e manutenção do Universo X-Men nos cinemas. Será que Vaughn toparia retornar?

E aí, o que você acha da ideia de ver mais uma história de origem do Wolverine? Bem, uma coisa é certa: se um dia a juventude de Logan for narrada nos cinemas, a Fox não repetirá os erros de X-Men Origens: Wolverine. Os próximos filmes do Universo X-Men a serem lançados são Os Novos Mutantes (dia 12 de abril) — cujas gravações foram finalizadas recentemente — e Dark Phoenix (1 de novembro de 2018).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.